Logon
Alimentação Escolar

Comunicamos que, atualmente, faz parte do nosso quadro de pessoal a nutricionista Mayra Rodrigues Nunes, que coordenará todo o trabalho de acompanhamento e atendimento nas cantinas das Unidades do Colégio Santa Maria. Ela também terá um espaço aqui no nosso site. Vamos ter notícias, receitas, novidade, enfim, tudo relacionado à nutrição e saúde.

Com formação generalista, humanística e crítica, o nutricionista é um profissional da área de saúde, habilitado a atuar visando à segurança alimentar e a atenção dietética, em todas as áreas do conhecimento em que a alimentação e nutrição se apresentam essenciais para a promoção, manutenção e recuperação da saúde e para a prevenção de doenças relacionadas à má alimentação, contribuindo para a melhoria da qualidade de vida de indivíduos ou grupos populacionais, pautado em princípios éticos, com reflexão sobre a realidade econômica, política, social e cultural.

No âmbito da merenda escolar, o nutricionista deve cuidar da alimentação, nutrição e educação nutricional, preocupando-se com a qualidade da alimentação servida, sob o ponto de vista nutricional e higiênico-sanitário, além de ter a missão de mudar hábitos alimentares, apoiado em projetos de educação nutricional bem planejados.

Devido ao alto índice de obesidade infantil e do surgimento de doenças crônicas não transmissíveis (diabetes, hipertensão arterial, doenças cardiovasculares) existe hoje a Lei Estadual n°18.372 - 05, de setembro de 2009, de autoria do Deputado Estadual Délio Malheiros, sancionada pelo Governador Aécio Neves, que proíbe a venda de alimentos de baixo valor nutricional e altos índices de açúcar, sal e gorduras. O Colégio Santa Maria, preocupado com a saúde e o bem-estar dos seus alunos, está adequando as cantinas das Unidades, à legislação vigente, fornecendo alimentos saudáveis e proporcionando aos alunos atividades de educação nutricional.

           

BOX:

Os benefícios de uma alimentação saudável:

Dados epidemiológicos estão sucessivamente providenciando recomendações para que os indivíduos aumentem o consumo de frutas e verduras como medida preventiva para reduzir os riscos de diversas doenças degenerativas.

Componentes presentes nos alimentos são responsáveis por efeitos benéficos em pessoas que os consomem. Nutrientes são essenciais para o crescimento e desenvolvimento normais, por isso é preciso incluir hábitos alimentares saudáveis para que ocorra a diminuição dos riscos ligados à má alimentação.

Visando à manutenção de peso saudável e a prevenção de doenças crônicas não transmissíveis (obesidade, doenças cardiovasculares, diabetes e osteoporose), recomenda-se:

  • Consuma alimentos variados, em 5 a 6 refeições ao dia. Saltar refeições não emagrece e prejudica a saúde.
  • Mantenha um peso saudável. Evite também o aumento da cintura.
  • Faça atividade física diariamente, incluindo na sua rotina andar a pé, subir escada, jogar bola, dançar, passear e outras atividades.
  • Coma arroz e feijão todos os dias, acompanhados de legumes e vegetais folhosos.
  • Coma 4 a 5 porções de frutas, todos os dias, na forma natura.
  • Dê preferência a sucos naturais. Evite o refrigerante, pois ele é uma bebida isenta de nutrientes essenciais e contribui para o ganho de peso.
  • Para lanches, coma frutas em vez de biscoitos recheados, bolos e salgadinhos.
  • Coma pouco sal. Evite alimentos enlatados e produtos como salame, mortadela e presunto, que contêm muito sal.
  • Evite adicionar sal à comida já preparada. Aumente o uso de alho, salsinha e cebolinha. Alimentos ingeridos na sua forma natural, como feijão, arroz, frutas, grãos e verduras, têm pouquíssimo sal.
  • Use óleos e azeite no preparo de bolos, tortas e refeições.
  • Tome leite e coma produtos lácteos com baixo teor de gordura, pelo menos 3 vezes por dia.

"Sorria mais e leve a vida simplesmente."


Mande um e-mail (mayra@pucminas.br) com suas dúvidas e sugestões para a próxima edição.

Mayra Rodrigues Nunes